segunda-feira, 16 de janeiro de 2017

Jamie Dornan rejeitou oferta de US$ 1,5 milhão para aparecer pelado em ’50 Tons Mais Escuros’

Resultado de imagem para Jamie Dornan

Segundo o New York Daily News, Jamie Dornan (Christian Grey) rejeitou a oferta dos produtores de ‘Cinquenta Tons de Cinza’ para fazer uma cena de nu frontal em ‘Cinquenta Tons Mais Escuros’.
Dornan ganharia um cachê adicional de US$ 1,5 milhão, valor seis vezes maior que o salário de US$ 250 mil que ele ganhou para estrelar o primeiro filme.
No contrato que ele assinou, era especificado que ele não precisaria fazer cenas de nu frontal.
O ator tirou a roupa poucas vezes no longa original (ao contrário de Dakota Johnson), e ficou preocupado com a repercussão da cena e com receio de que ela não seja de bom gosto.
Baseado no best-seller de E.L. James, ‘Cinquenta Tons Mais Escuros‘ apresenta o segundo capítulo da história de amor e submissão entre Christian Grey e Ana Steele. Quando ele tenta novamente seduzir a cautelosa Anastasia e trazê-la de volta para sua vida, ela exige um novo acordo antes de lhe dar uma nova chance. Enquanto os dois começam a construir um relacionamento baseado em confiança e estabilidade, figuras sombrias do passado do Sr. Grey começam a assombrar o casal, determinadas a destruir todas as suas esperanças de um futuro juntos.
James Foley comanda as duas sequências.
Ele tem no currículo alguns episódios da série ‘House of Cards‘, e dirigiu um filme com narrativa similar: ‘Medo‘ (Fear, 1996), em que Mark Wahlberg interpretava o violento namorado de Reese Witherspoon.
Fonte: CinePop

Nenhum comentário:

Postar um comentário