Pular para o conteúdo principal

Hoje em Luz, Câmera 50 Anos: Dona Flor e Seus Dois Maridos (1998)

O festival Luz, Câmera 50 Anos dos dias 12 e 14 de maio traz em formato filme Dona Flor e Seus Dois Maridos, divido em dois episódios. A adaptação da obra de Jorge Amado une humor, sensualidade e fantasia em trama ambientada na Bahia dos anos 1990.
Marco Nanini, Giulia Gam e Edson Celulari em Dona Flor e Seus Dois Maridos, que a Globo exibe nos dias 12 e 14 (Foto: CEDOC Globo)
Nos arredores do Pelourinho, apresenta-se a história de amor entre Florípedes Paiva (Giulia Gam), conhecida como Dona Flor, e seu marido, Valdomiro dos Santos Guimarães (Edson Celulari), o Vadinho, um malandro, mulherengo e sem trabalho, que se envolve em jogos de azar para conseguir uns trocados.
Dona Flor chora a morte de Vadinho (Foto: CEDOC Globo)
Vadinho pertence à boemia e faz o que for preciso para conseguir dinheiro para gastar na rua, inclusive bater na mulher e roubar o que Flor consegue com suas aulas de culinária. O cassino clandestino Novo Tabaris é o local das suas trapaças.
Um dia, após dormir fora de casa com uma amante, ele paga uma ambulância para transportá-lo até sua casa e, assim, sensibilizar sua esposa. É recebido com muito carinho e cuidado. Só que, minutos depois, já está fantasiado para sair no bloco afoxé Filhos de Gandhi, onde só desfilam homens.
No meio do desfile, Vadinho é procurado por comparsas do Calabrês (Otávio Augusto), um contraventor a quem ele deve dinheiro. Quando a arma é apontada para a vítima, os tiros não saem. Mas, em decorrência de um mal súbito, Vadinho morre em pleno desfile. Flor é avisada e corre entre os homens do bloco, chorando sua dor com o marido morto nos braços.
Mesmo tendo jurado, diante do caixão, que jamais teria outro homem, passado certo tempo, Flor se entrega ao amor de Teodoro Madureira (Marco Nanini), o dono de uma farmácia. Os dois acabam se casando. Experimentando uma nova rotina metódica e com um marido fechado, de boas maneiras, inteligente e correto, Flor ainda sente falta do calor romântico que nutria por Vadinho.
Vadinho (Edson Celulari), Dona Flor (Giulia Gam) e Teodoro (Marco Nanini) em cena de Dona Flor e seus Dois Maridos (Foto: CEDOC Globo)

Exibida de março a maio de 1998, a adatação de Dona Flor e Seus Dois Maridos tem autoria de Dias Gomes e direção geral de Mauro Mendonça Filho e direção de núcleo de Guel Arraes.
O filmes do festival Luz, Câmera 50 Anos vão ao ar em duas partes: às terças, após Tapas & Beijos, e às quintas, após Chapa Quente.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Veja como são os atores de ‘Esquadrão Suicida’ sem a maquiagem dos personagens

Esquadrão Suicida está fazendo barulho há pelo menos um ano. Agora que o filme estrou a maioria dos críticos torceu o nariz. E os fãs adoraram. Mas pouca gente conhece o elenco do filme. Além de Viola Davis, Will Smith e Jared Leto, a maioria dos outros atores não é conhecido do grande público. Vamos dar uma olhada então na cara desse povo sem a maquiagem pesada do filme: Arlequina – Margot Robbie Magia – Cara Delevingne Coringa – Jared Leto Pistoleiro – Will Smith Jai Courtney – Bumerangue

O CLONE RESUMO DO PENÚLTIMO E ÚLTIMO CAPÍTULO

Lucas não encontra a casa de Jade. Edna dá a entrevista. Ali e Zoraide se casam. Albieri e Leo vão à festa. Zein, pensando que Leo é Lucas, lhe dá o endereço de Jade. Leo e Lucas se encontram cara a cara na Medina. Leo e Lucas discutem. Leo corre tentando se desvencilhar de Lucas, que o persegue. Zoraide quer trocar o ouro a que tem direito pelo perdão de Jade. Por telefone Júlio conta para Albieri o que Edna disse na entrevista. Albieri fica atordoado. Nazira vê Miro ao longe em um cavalo. Miro chama Nazira para ir com ele e o cavalo foge voando. Alicinha tenta emocionar Aurélio, mas ele não volta atrás. Mel sente medo na hora de sair da clínica. Cecéu convida Nando para a sua formatura. Nando reclama que não consegue mais se concentrar e Cecéu mostra um jornal onde diz que a banda dele está nas paradas de sucesso. A mãe de Regininha não a deixa entrar em casa. Maysa dá o apartamento que havia montado para Mel e Xande. Mel aproveita a família reunida e pede perdão a todos. Tavinho pr…

O CLONE RETA FINAL: NASCE O FILHO DE KARLA

A situação de Tavinho (Vitor Fasano) começa a se complicar em "O Clone". Após chamar a imprensa para registrar o nascimento de Tavinho Jr. no hospital, Odete (Mara Manzan) volta com Karla (Juliana Paes) para casa decidida a cobrar os direitos da filha e do neto. Odete chega a comentar com Noêmia (Elizângela) que já entrou na justiça contra Tavinho e que pretende pedir R$ 15 mil de pensão para o neto. Noêmia estranha e sugere a Odete que ela simplesmente ligue para o pai e "avise na boa". Odete explica que Tavinho não aceitará tão
fácil assim e Karla complementa dizendo que Lidiane (Beth Goulart), a mulher de Tavinho, é muito ciumenta.