sexta-feira, 10 de agosto de 2012

Avenida Brasil: Max é assassinado no lugar de Nina

Depois que Carminha (Adriana Esteves) descobriu estar sendo traída por Max (Marcello Novaes), o ódio da vilã por Nina (Débora Falabella) aumenta cada vez mais.
Sem poder contar com seu eterno cúmplice, Carminha encontra outra pessoa que possa ajudá-la a acabar com a rival. Assim, ela manda Lúcio (Emiliano D'Avila) dar um fim à cozinheira.
A megera arma uma emboscada para Nina, mas quem também aparece no local é Max. No escuro, Lúcio atira no primeiro vulto que vê pela frente, portanto é o atrapalhado Max quem acaba sendo baleado.
Carminha socorre o ex-amante, mas ele acaba morrendo em seus braços. É a gota d'água para que a vilã surte de vez, afinal, acaba sendo responsável pela morte de seu único amor e pai de seus filhos.
Falando em Avenida Brasil, o capítulo de ontem foi todo de Adriana Esteves, não teve para ninguém. A atriz mostrou mais uma vez que é a dona da novela e consolidou Carminhacomo a melhor personagem de sua carreira. Cheguei a ficar com pena ao ver o desespero da vilã, que depois do flagra saiu dirigindo em alta velocidade, bateu com o carro, tomou um porre e acabou pegando carona num caminhão de lixo.
Hoje à noite Carminha vai parar no lixão, onde tudo começou. Tudo indica que ela passou por muitos sofrimentos na infância e juventude, muitos foram causados por Mãe Lucinda(Vera Holtz). Quem sabe nos próximos capítulos o autor acabe explicando os motivos que levaram Carminha a ser tão má? Dependendo do que tenha acontecido no passado, pode ser que a vilã seja no fundo uma grande vítima. Em se tratando de João Emanuel Carneiro, não duvido de mais nada...

Nenhum comentário:

Postar um comentário